contos sobre a nova arapiraca

Tenho observado e escrito, parte na gaveta ainda, parte nesse blog, sobre as transformações que a cidade viveu nesta última década. Ofereço dois casos exemplares de transformação da paisagem rural-urbana, como o lago do Perucaba e o parque Ceci Cunha. O lago está na zona sul da cidade, o parque no centro.

arapiraca_5_5_2001_lagogoperucaba

A foto acima é de 5 de maio de 2001. Nela observemos que o lago ainda não possui qualquer sinal de urbanização. Ao sul, estrada do antigo Matadouro Público. No leste,,os bairros Baixão e Manoel Teles. A foto abaixo é de 28 de julho de 2008 onde se vê, ao noroeste, a primeira fase da urbanização da orla. Observe-se que a área urbanizada é em torno de 25% de todo o lago. O impacto que essa intervenção urbana teve na vida social e econômica foi grande, imagine-se quando os 3/4 restantes do lago for urbanizado. Será enorme. Um bem inestimável. É muito provável que esta região concorra brevemente com a zona norte (com centro administrativo e futuro shopping)) pelos investimentos públicos e privados nos próximos anos. Um planetário está sendo construído na orla do lago. A cidade precisa de continuação do processo de urbanização do lago do Perucaba.  .

arapiraca_28_7_2008_lagogoperucabaarapiraca_5_5_2001_parquececicunha

O segundo caso é o parque Ceci Cunha, que divide o bairro Alto do Cruzeiro do centro da cidade. A foto acima é de 5 de maio de 2001. Neste momento vê-se as primeiras interferências no lugar.  A foto abaixo é de 28 de julho de 2008 onde se vê ao leste a transformação de um riacho com esgoto à ceu aberto, em um parque muito agradável. Neste momento a urbanização do lado oeste está em andamento e vai interligar-se a expanção do complexo até o vindouro bosque das arapiracas, com uma avenida marginal que ligará o parque ao centro administrativo, Este parque transformou a cidade. É uma região muito visitada, com uma paisagem acolhedora e bem cuidada. Mas é necessário ficar atento e acompanhar a expansão do parque e ião go surgimento do bosque. A cidade está em transformação.

arapiraca_28_7_2008_parquececicunha

As transformações que vive a região de Arapiraca merecem boa atenção. E não é tema para principiante. Explico: no ano de 2000 a população local era de 186.466 habitantes. Hoje possui 214.006 (um crescimento de 13%). Ocorre que a sensação é de viver numa cidáde média, pois há 600 mil habitantes metropolitana do agreste. Há muito observo essa movimentação. A transformação arquitetônica da paisagem do urbio tem redesenhado o movimento da vida social e econômica. Arapiraca está se tornando, aos poucos, uma cidade de classe média com renda mensal per capta de R$ 440. Mas a desigualdade e pobreza ainda é forte principalmente na periferia (encontrar um modelo de desenvolvimento com atenção redobrada em políticas públicas e iniciativas para cessar a pobreza e a vulnerabilidade social). A paisagem agreste é maravilhosa, precisamos apenas saber levar a cidade para um futuro de prosperidade. Estamos desenhando o porvir. Quais são então as novas cartografias dessa cidade?

contos sobre a nova arapiraca contos sobre a nova arapiraca Reviewed by davy sales on quinta-feira, junho 23, 2011 Rating: 5

Nenhum comentário:

Davy Sales (2012). Tecnologia do Blogger.