filosofia contra a vida regrada, correta e facista

Em Vilcabamba (Equador), médicos foram estudar a longevidade do povo, que vivem acima da média mundial. Desnorteados, descobriram que a longevidade não tem nehuma ligação com cuidados com a saúde. Eles, fumam, bebem e usam drogas. E vivem 120 anos.

O sábio Pitigrilli uma vez disse: Procede sempre como te agradar, sem nunca te preocupares sobre se é justo ou injusto. Os homens industrializaram o bem e o mal, como os médicos industrializaram a saúde e a doença. As doenças, para seu governo, não existem. O que existe são os nomes de doenças; os médicos, para comodidade de negócio, convencionaram que quando há açúcar nas urinas deve-se dizer: Diabete; quando há albumina deve-se dizer: Nefrite. Por isto, apenas para dar aparência de seriedade à profissão...

E também pensou assim: Livra-te dos homens. E livra-te de Deus!
Não foi Deus que fez os homens, mas os homens que fizeram Deus. E depois de o fazerem queixam-se de ele proceder de certo modo em vez de outro. Fizeram-no com barba, pernas, mãos, umbigo, cabeça, como eles; e imaginaram que ele tinha um sistema de moral e de legislação idêntico ao dos homens; tanto que, por ocasião das pestes e dos terremotos, perguntam se é justo que Deus faça assim. Pobre de nós!

filosofia contra a vida regrada, correta e facista filosofia contra a vida regrada, correta e facista Reviewed by davy sales on segunda-feira, novembro 17, 2008 Rating: 5

Nenhum comentário:

Davy Sales (2012). Tecnologia do Blogger.