Moto, ônibus, carroça, bicicleta

A falta de transporte público na cidade cria uma imagem muito interessante: todo dia procissões de pessoas seguem dos subúrbios em direção ao centro da cidade, à pé. Acho isso saudável, caminhar. Mas não é esse o caso. Aqui as pessoas estão saindo para trabalhar ou resolver algum problema longe de casa.

O poder público, por sua vez, oferece moto-taxi. Mas quem pode afirmar que moto é transporte para o mundo público? Moto não foi feita para transporte público. As motos surgiram na esteira da incapacidade de nossos gestores perceberem, com antecedência, que havia uma demanda original por movimentação espacial no tecido urbano. Se a cidade não oferece ônibus, surge espaço para outras iniciativas.

Nossos secretários de transporte, nas várias gestões passadas e na presente, nunca tiveram a iniciativa de discutir esse assunto seriamente. Talvez seja porque todos os vereadores já tenham um carro para se deslocar, e estejam inaptos a perceberem que a civilidade se dá junto com o direito a cidade, à livre circulação.
Moto, ônibus, carroça, bicicleta Moto, ônibus, carroça, bicicleta Reviewed by davy sales on sábado, fevereiro 04, 2006 Rating: 5

Nenhum comentário:

Davy Sales (2012). Tecnologia do Blogger.